Divulgue sua empresa
Logotipo da Multiguias
Home Noticias Anuncie Contato

TSE ouve mais duas testemunhas na ação contra Temer e Dilma

Ex-diretor da Odebrecht e dono de gráfica chegaram para depor no TRE por videoconferência por volta das 8h.

Duas novas testemunhas são ouvidas pela Justiça Eleitoral nesta quarta-feira (8) no processo que investiga se a chapa formada pela ex-presidente Dilma Rousseff e pelo atual presidente, Michel Temer, cometeu crimes eleitorais nas eleições de 2014.
O ex-diretor da Odebrecht Luiz Eduardo da Rocha Soares, que seria do setor de propinas da Odebrecht, e um dos donos da gráfica VTPB, Beckembauer Rivelino de Alencar Braga, chegaram ao prédio do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo por volta das 8h. O depoimento deles é feito por videoconferência.
A ação é conduzida pelo ministro Herman Benjamin e foi iniciada a pedido do PSDB, que pediu a cassação da chapa.
Soares entrou pela garagem e não falou com os jornalistas. Já Braga chegou pela entrada principal acompanhado de seu advogado, Miguel Pereira Neto, que preferiu não dar declarações afirmando que o depoimento é sigiloso.
Também foram ao local os advogados de Dilma e Temer. Flávio Caetano, advogado da ex-presidente Dilma Rousseff, disse que o depoimento do dono da VTPB pode ser esclarecedor. “É importante para o processo, por trazer de uma gráfica importante, como foi feito o trabalho, como foi entregue”, disse.
Ele questionou, porém, a validade do depoimento de Soares por se tratar de funcionário da Odebrecht que negociou delação premiada.
Já Gustavo Bonini Guedes, advogado Michel Temer, disse que a defesa do presente poderá dar novas informações apenas após a acareação marcada para sexta-feira entre três delatores da Odebrecht - o ex-presidente do grupo Marcelo Odebrecht e os ex-executivos Hilberto Mascarenhas e Cláudio Melo Filho.

compartilhe





Notícias do dia

TSE ouve mais duas testemunhas na ação contra Temer e Dilma

Ligação Leste-Oeste segue com interdição e desvios após incêndio em viaduto